Ilha do Mel (PR)

Retomando as atividades do blog, hoje iremos falar um pouco sobre a maravilhosa Ilha do Mel, localizada no Paraná. Fomos para lá em duas oportunidades, em outubro de 2007 (com o Ricardo Porcher e a Valeria Gesto Perez) quando nem namorávamos ainda, e novamente em maio de 2010 num grupo de 7 pessoas. E a vontade de ir novamente é grande. Estávamos para ir ano passado, mas infelizmente o rapaz com quem estávamos negociando simplesmente foi aumentando o preço da casa semanalmente com a justificativa de que “quanto mais tarde for feito o aluguel, maior será o preço”.

Para chegar até lá saindo de Joinville, basta seguir pela BR 101 e entrar na cidade de Garuva (aproximadamente 38 km). Após isto, seguir até a balsa de Guaratuba (mais cerca de 38 km). De lá, é feita a travessia do carro e dos ocupantes até a PR-412 (Pontal do Paraná). O custo da balsa não nos recordamos exatamente, mas era algo em torno de R$20 para ida e volta.

ferry boat1

Chegando à PR-412, são mais 40 km até o município de Pontal do Sul. Lá, existem alguns estacionamentos onde você deverá deixar o carro (não é permitida a entrada de carros na Ilha). O custo é de R$15 a R$20 a diária. Para chegar a ilha, você deverá adquirir bilhetes de ida e volta que custam cerca R$27 (conforme link) por pessoa. Os barcos partem a cada meia hora das 08h as 20h. Existe um controle que não permite mais de 5.000 pessoas na ilha. Em ambas as vezes que fomos (feriadões), não tivemos problema de ter que voltar pelo fato do limite ter estourado.

A viagem de barco de Pontal do Sul até a Ilha demora cerca de 30 minutos e é bem agradável. Abaixo, segue uma foto do ponto de saída e mais duas fotos da chegada à Ilha:

saindo de pontal pra ilha

chegando na ilha

ilha

Na compra dos tickets, será perguntado para qual lado da ilha você quer ir: Brasília ou Encantadas. A região de Brasília possui mais bares e agito noturno. Se a intenção é descansar, opte por Encantadas. As pousadas são bastante simples (com raras exceções), mas todas bem aconchegantes. Em 2007 optamos em ficar no Camping Vó Maria, um local muito simples mas que disponibilizava fogão e chuveiro quente para os hóspedes. A diária era míseros R$5 por pessoa.

camping vó maria

camping vó maria 2Já em 2010 conseguimos alugar uma casa que comportava 8 pessoas a um custo bastante acessível (R$650 para sexta, sábado e domingo, ou seja, R$81,25 por pessoa o feriadão inteiro). Infelizmente a dona da casa não aluga mais a casa, que continha até uma churrasqueira.

saindo do chalé

saindo do chalé2Os pontos da Ilha mais visitados são basicamente três: Farol das Conchas, Fortaleza Nossa Senhora dos Prazeres e Gruta das Encantadas. Todos podem ser acessados a pé, porém prepare-se que todas as caminhadas são de mais de 40 minutos. Segue abaixo um mapa da Ilha:

mapa

Para chegar até o Farol é necessário subir uma escadaria com centenas de degraus. Mas a vista que se tem lá de cima compensa todo o esforço:

placa farol das conchas

escadaria farol

farol

vista do farol

vista do farol 2

Já para chegar até a Fortaleza a caminhada é basicamente pela praia. Apreciando o mar fica fácil não se cansar no trajeto. É possível também alugar bicicletas na Ilha, item extremamente útil para chegar na Fortaleza mais rapidamente e cansar menos.

forte1

forte2

forte3

forte4

Por fim, a Gruta das Encantadas, conforme o nome já indica, fica próximo do lado das Encantadas. Para chegar até ela, existe um “rack” de madeira construído.

gruta1

gruta2

gruta3Para finalizar, seguem algumas dicas gerais para quem vai para a Ilha:

- não há agências bancárias na Ilha, e somente alguns lugares aceitam cartão como forma de pagamento. Portanto se previna levando dinheiro.

- não existem muitos restaurantes na Ilha, mas todos são aconchegantes e a grande maioria serve frutos do mar.

- existe supermercado na ilha, o preço não é muito abusivo, mas se você quer economizar é bom trazer bebidas de casa. Existe também uma distribuidora de bebidas com preços bastantes atrativos.

- existem alguns bares que possuem música ao vivo à noite, sobretudo reggae, forró e rock.

- não é permitido levar animais para a Ilha.

- leve lanterna para a Ilha, pois não há iluminação noturna.

- se for em grupo para a Ilha, tente achar uma casa, pois sai bem mais em conta. Neste link tem bastante opções. Caso vá apenas em casal, sugerimos a escolha de uma pousada. Fique ligado que nestes sites de compras coletivas de vez em quando há promoções de pousadas para fora de época.

2 thoughts on “Ilha do Mel (PR)

  1. Pingback: Ilha do Mel (PR) | ALFA Dicas de Viagens

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>