Viagem Europa – Post I – De Joinville a Röthemburg (Alemanha)

Bom dia pessoal,

Depois da publicação do roteiro de viagem dos tios do Fábio até a Europa, iniciaremos hoje uma série de posts detalhando cada cidade, cada hotel, cada restaurante, enfim, esmiuçaremos cada detalhe da viagem. O post de hoje abrange os quatro primeiros dias da viagem, deste a saída de Joinville até a chegada à cidade alemã de Röthemburg.

Primeiramente uma foto no aeroporto de Curitiba para apresentar o casal (Margareth e Mário):

DSC04043

Para iniciar, uma dica importante: caso você vá para a Europa, sempre procure optar por vôos diretos para a Europa (com ou sem conexão), pois o limite de bagagem para viagens internacionais é de 32kg por mala de passageiro (podem ser até duas malas, mas se uma pesar 33kg e oura 20kg, você paga pelo excesso), bem superior aos 23kg permitidos para vôos nacionais. Por este motivo o vôo saiu de Curitiba, com conexão em São Paulo rumo a Frankfurt. A saída da capital paranaense foi em torno das 13h30 e a chegada na capital paulista foi perto das 14h30. O vôo para Frankfurt partiu cerca de 4 horas depois, às 18h30.

Com a Alemanha em horário de verão, a diferença de fuso era de cinco horas entre o solo brasileiro e o solo alemão. O vôo durou 11h30min, e a chegada em Frankfurt foi às 11h da manhã do dia 21 de maio. A cidade possui cerca de 700 mil habitantes e é a quinta em população do país. Lá, os passeios se limitaram a uma volta a pé no centro da cidade. Um fato interessante sobre o centro de Frankfurt é que o mesmo foi construído do zero novamente depois da Segunda Guerra Mundial. A arquitetura segue o “padrão germânico”. Abaixo algumas fotos:

DSC04088

DSC04094

DSC04102

DSC04103

DSC04106

DSC04109

DSC04111

DSC04114

DSC04120

DSC04123

DSC04127

DSC04141

Em um dos prédios do centro de Frankfurt uma foto interessante. Algumas marcas numa parede indicavam todas as enchentes que atingiram a cidade alemã, marcando a altura até onde a água chegou:

DSC04139

Uma outra dica importante a ser dada é em relação ao aluguel do carro. Alugando o carro na agência do aeroporto custaria cerca de €70 mais caro do que alugando numa outra agência da cidade. O custo do táxi do aeroporto até o hotel saiu cerca de €30, ou seja, só aí foram economizados €40.

A opção mais básica disponível era o Opel Meriva (bem diferente do Meriva existente por aqui. Consultando agora no decolar.com a diária é de US$46, com km ilimitada). Não se espantem com o “básico”, pois o carro era 4 portas, com direção hidráulica, piloto automático de velocidade, bluetooth, seis marchas, ar condicionado, freio a dedo, aquecedor no volante e aquecedor nos bancos. Este último item nos leva a um dos fatos engraçados da viagem: na tentativa de ligar o ar condicionado do carro, o que acabou sendo ligado foi o aquecimento dos bancos, e depois de alguns minutos com literalmente as “costas quentes”, foi percebido o erro e aí então ligado o ar condicionado.

A janta em Frankfurt foi no restaurante do nosso “parente”: Adolf Wagner. As fotos abaixo ilustram os pratos solicitados: o primeiro é um Haxe (joelho de porco com batatas a um custo de €12,20). O segundo prato é um (saúde!) “Ochsenburst Mit Gruner” (também carne de porco, a um custo de €11,20). A jarra de vinho saiu por €9,00.

DSC04146

DSC04147

DSC04149

No primeiro dia em solo europeu, uma enorme coincidência: na mesa ao lado um conhecido da filha do Mário lá da Embraco o reconheceu e o cumprimentou.

DSC04150

DSC04151

Já no primeiro restaurante também uma mudança de conceito com relação aos restaurantes brasileiros: lá não tem o conceito de “mesa”, ou seja, se você está numa mesa para 4 pessoas e só está em 2, a qualquer momento um outro casal pode sentar do seu lado como se você não estivesse ali. Esta cena se repetiu por diversas vezes na viagem. Aqui no Adolf Wagner, o garçom chegou a explicar após reconhecer que não eram nativos, e sim brasileiros, mas em alguns restaurantes isto não aconteceu.

A estadia em Frankfurt foi no Hotel Pauli, um simpático hotel com muitas flores em sua decoração:

22 maio Frankfurt até Koblenz 003

22 maio Frankfurt até Koblenz 007

22 maio Frankfurt até Koblenz 008

22 maio Frankfurt até Koblenz 011

No dia 22 de maio pela manhã, o destino era Koblenz, distante 126 km de Frankfurt. No meio do caminho algumas plantações de uva na beira da estrada.

22 maio Frankfurt até Koblenz 013

22 maio Frankfurt até Koblenz 020

22 maio Frankfurt até Koblenz 023

No meio do caminho foi feita uma parada em Rüdesheim (cidadezinha de apenas 10 mil habitantes) para o almoço.

22 maio Frankfurt até Koblenz 032

22 maio Frankfurt até Koblenz 039

22 maio Frankfurt até Koblenz 040

O almoço foi no restaurante Stadt Frankfurt. Lá fora, o carro do garçom estacionado (kkkk):

22 maio Frankfurt até Koblenz 042

22 maio Frankfurt até Koblenz 043

22 maio Frankfurt até Koblenz 045

Acompanhados de uma Weissbier (€3,80 cada), a refeição foi (saúde!) um Bratwurst (espécie de salsichão, €6,50) e um (saúde!) Rumpsteak Kraut Embutter (€18,90).

22 maio Frankfurt até Koblenz 046

22 maio Frankfurt até Koblenz 048

22 maio Frankfurt até Koblenz 049

22 maio Frankfurt até Koblenz 050

Perto dali um teleférico que passava por cima da cidade e de imensos parrais de uva custava €6,50 por pessoa.

22 maio Frankfurt até Koblenz 055

22 maio Frankfurt até Koblenz 056

22 maio Frankfurt até Koblenz 058

22 maio Frankfurt até Koblenz 069

22 maio Frankfurt até Koblenz 074

22 maio Frankfurt até Koblenz 081

22 maio Frankfurt até Koblenz 085

22 maio Frankfurt até Koblenz 092

Nos morros que circundam a cidade de Rüdesheim diversos castelos que se transformaram em restaurantes, hotéis, etc, dão um tom especial à paisagem:

22 maio Frankfurt até Koblenz 123

22 maio Frankfurt até Koblenz 135

22 maio Frankfurt até Koblenz 142

A chegada em Koblenz (cerca de 100 mil habitantes) foi recheada de flores. Numa das primeiras praças da cidade, diversos tons e cores davam vivacidade à cidade:

22 maio Frankfurt até Koblenz 172

22 maio Frankfurt até Koblenz 177

22 maio Frankfurt até Koblenz 182

22 maio Frankfurt até Koblenz 184

22 maio Frankfurt até Koblenz 187

22 maio Frankfurt até Koblenz 189

22 maio Frankfurt até Koblenz 194

22 maio Frankfurt até Koblenz 200

22 maio Frankfurt até Koblenz 232

Assim como Frankfurt, foi apenas uma pernoite na cidade. Antes de ir para o hotel, uma agradável ida ao centro da cidade. Na primeira foto o encontro dos rios Reno e Mosela.

22 maio Frankfurt até Koblenz 212

22 maio Frankfurt até Koblenz 221

22 maio Frankfurt até Koblenz 232

22 maio Frankfurt até Koblenz 234

22 maio Frankfurt até Koblenz 243

No dia 23 de maio, o destino da vez era Heidelberg, cidade de 145 mil habitantes, com uma pequena parada no meio do caminho para uma visita ao castelo Burg Eltz. Antes da saída, uma foto do café da manhã e outra externa do hotel de Koblenz: o Hotel Scholz. Na segunda foto dá de visualizar o carro alugado por fora, o tal do Opel Meriva.

008

010

A distância entre as cidades era de 171 km. As estradas alemãs não são todas “Autobahn”, no interior diversas estradas (como as das fotos abaixo) não possuem sequer acostamento. Mas não se preocupe: não existe sequer um buraco nelas. As outras fotos são de cidadezinhas que estavam no meio do trajeto:

012

017

030

057

061

070

077

079

081

083

A entrada ao castelo Burg Eltz custava €8,00 por pessoa. Existem diversos castelos abertos a visitação tanto na Alemanha quanto em outros países europeus, e a princípio o interior é semelhante em todos, ou seja, pelo interior não precisa ter muito critério para escolher. Abaixo algumas fotos de fora e de dentro do Burg Eltz:

095

102

106

113

141

146

153

170

173

175

206

A chegada em Heidelberg foi por volta das 17h. Lá, os passeios também se resumiram a uma volta no centro da cidade, conforme fotos abaixo:

262

304

299

Perto de um dos rios da cidade, uma cena que se repetiu por diversas vezes na viagem: cadeados trancados e sem a chave. Nada mais é do que uma crença de casais que fecham o cadeado e jogam a chave no rio, acreditando que o amor entre eles está “preso” à abertura do cadeado.

295

293

284

278

270

264

Por enquanto vamos ficar devendo o nome do restaurante do jantar, mas fiquem com fotos dos pratos:

308

309

312

321

324

No dia seguinte (24 de maio), iniciou-se uma “mini” Rota Romântica da Alemanha. A rota original começa em Würzburg e termina em Füssen, contemplando 27 cidades e cerca de 400 km, e é trajeto de muitos casais que vão para a Europa. Muitas cidades são tão pequenas que não valem a visita, visto que o estilo de todas é praticamente o “mesmo”.

Os tios do Fábio passaram apenas por algumas das cidades que estão dentro da rota, e a primeira delas foi Würzburg. Antes de pegar a estrada, uma paradinha para abastecer o tanque: assim como em vários outros países, não há frentista no posto de gasolina, tudo é feito pela própria pessoa.

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 085

Lá em Wurzburg, uma rápida visita a uma espécie de “feirinha”. Ao contrário do que precisamos fazer aqui no Brasil nos mercados e feirinhas, lá não é necessário ficar escolhendo as frutas, por conta de algumas estarem podres ou de mal aparência. Lá simplesmente todas são frescas e de boa qualidade.

 24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 101

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 102

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 103

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 105

Cena comum na Europa era ver gatos “enormes”, certamente muito bem alimentados:

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 282

Na janta em Röthemburg no Restaurante Baumeisterhaus, a opção foi pelo prato Frank Bratwurts (€9,80) e Landskmechttele (€10,80), acompanhados de uma Weiss Bier. Detalhe também para a decoração do restaurante cheio de pedaços de animais empalhados:

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 441

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 442

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 443

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 444

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 449

Para finalizar, algumas fotos da cidade de Wurzburg (as últimas fotos desta sequência são de uma cidadezinha no meio do caminho denominada Tauber Bischofsheim):

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 472

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 111

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 117

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 131

 24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 136

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 143

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 145

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 149

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 151

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 159

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 161

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 180

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 181

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 185

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 194

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 202

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 204

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 208

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 213

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 220

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 236

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 243

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 260

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 264

A partir daqui as fotos são de Röthemburg:

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 283

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 298

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 299

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 307

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 311

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 339

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 346

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 361

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 401

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 363

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 410

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 425

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 432

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 440

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 466

24 de maio Heidelberg_Wurzburg_Rota Romatica_Rotemburg 471

Ainda esta semana teremos no mínimo mais um post sobre a viagem. Fiquem atentos!

2 thoughts on “Viagem Europa – Post I – De Joinville a Röthemburg (Alemanha)

  1. Pingback: Viagem Europa – Post I – De Joinville a Röthemburg (Alemanha) | ALFA Dicas de Viagens

  2. Pingback: Viagem Europa #2 – Alemanha – Frankfurt, Wertheim e Rothenburg ob der Tauber | ALFA Dicas de Viagens

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>