Parque Nacional Aparados da Serra – Cambará do Sul (RS)

Olá pessoal,

No final de semana passado passamos o final de semana em Gramado (ainda teremos posts de lá), e na volta para Joinville resolvemos conhecer o Parque Nacional Aparados da Serra, localizado em Cambará do Sul (RS), e que tem como principal atrativo o Cânion Itaimbezinho de 700 metros. O acesso ao Parque é feito pela rodovia RS-020 ou pela RS-427, passando pela cidade catarinense de Praia Grande. Você passará por dentro da cidade de Cambará e então pegará uma estrada de terra, com 18 km de extensão para chegar até a entrada do parque.

DSC09761 DSC09763 DSC09764 DSC09765 DSC09766 DSC09769

 

No caminho ainda tivemos a sorte de encontrar um cachorro do mato na beira da estrada que ainda fez poses para as fotos:

DSC09771 DSC09773

A entrada do parque é bem simples, e o ingresso custa R$6,50 por pessoa (R$13 para turistas do exterior), além de R$5,00 para o estacionamento do carro. Após o pórtico de entrada, você andará mais 1 km num trecho de asfalto e então chegará ao estacionamento.

DSC09774 DSC09775 DSC09778 DSC09779

 

 

DSC09780

 

Logo após estacionar o carro, você dará o ingresso para um funcionário do parque e anda mais alguns metros para chegar até uma construção (meio abandonada e suja, por sinal) onde há banheiros, bebedouros, além de informações sobre o local e um outro funcionário disponível para perguntas.

DSC09784

 

De lá, você tem opção por duas trilhas:

  • Trilha do Vértice: rápida (em menos de uma hora você faz ela), ela percorre os cânions num trajeto parecido com um “U”. Pode ser feita das 08h até às 17h.
  • Trilha do Cotovelo: com duração de 3 horas (somando-se ida e volta), ela percorre os cânions pelo “lado”.

Além disso, há outra trilha que sai do município de Praia Grande (Trilha Rio do Boi), esta com duração aproximada de 6 horas, e que vai no “pé” do Cânion.

Como ainda tinhamos praticamente 500 km pela frente e já passava do meio dia, optamos pela trilha mais rápida. Apesar de algumas placas estarem meio apagadas e o caminho estar cheio de poças e desníveis, a trilha é fácil e possui vários mirantes no caminho, e não há possibilidade nenhuma de se perder nela, pois ela é bem aberta.

DSC09785 DSC09786 DSC09787 DSC09795

Algumas informações técnicas do Cânion, retiradas do site Cambará Online:

O Cânion Itaimbezinho é a grande estrela da região. É o cânion mais famoso e também um dos mais belos. Suas paredes medem 5,8 km de extensão, 720 metros de profundidade e 600 metros de largura. O nome é de origem tupi-guarani, alusivo aos índios, os primeiros habitantes do local, e significa “ita=pedra” e “aimbé=cortada, afiada”. Ou seja, pedra cortada ou pedra afiada. O Itaimbezinho fica no Parque Nacional de Aparados da Serra, unidade de preservação mantida pelo ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade) e criada em 1959.

Para fechar fiquem com mais algumas fotos do local:

DSC09796 DSC09805 DSC09806 DSC09809 DSC09820 DSC09822 DSC09828 DSC09829

 

Resolvemos voltar para Joinville via BR-101, e a estrada (de barro) até a cidade de Praia Grande não é das melhores. No caminho outro cachorro do mato veio se despedir da gente:

DSC09836

 

Concluindo: vale a pena conhecer o Parque, e caso tenha tempo vá mais cedo e faça as duas trilhas, com certeza não se arrependerá!

Um abraço e até o próximo post!

3 thoughts on “Parque Nacional Aparados da Serra – Cambará do Sul (RS)

  1. Pingback: Retrospectiva 2014 | ALFA Dicas de Viagens

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>