Forte Marechal Luz – São Francisco do Sul / SC

As vezes quando estamos pensando em uma viagem ou um novo lugar para conhecer, sempre queremos ir para longe, a horas e horas de distância. Mas nem sempre temos o tempo necessário para isso. Aí surgem os lugares que estão pertinho de você que você ainda não conhece ou não ouviu falar. Sempre é bom conversar com amigos e pessoas que gostam de viajar para conhecer novos lugares. Pode-se também pesquisar sobre sua própria cidade para ver o que pessoas de fora vem fazer nela, você vai se surpreender!

IMG_7328

Com essa ideia na cabeça, fui visitar o Forte Marechal Luz, que fica na ilha de São Francisco do Sul. A cidade mais antiga de Santa Catarina, mas isso fica para um outro post falando da cidade. A 61Km do centro de Joinville, com acesso via BR280, demora-se aproximadamente 1h30 para chegar até lá, fora de temporada. O acesso até a entrada do Forte é toda asfaltada.

DCIM104GOPRO IMG_7354

Canhões logo na entrada do forte

O Forte teve inicio no século XVIII com objetivo de proteger a Baía da Babitonga de invasores. Já a estrutura atual, foi construída em 1909 e encontra-se preservada até hoje. Mais informações aqui.

IMG_7334

O acesso ao Forte custa R$2,00 por pessoa e você pode subir com o carro até lá em cima no forte. Na base do morro estão os alojamentos e hotel, que particularmente não sei se são só para militares ou para o público em geral. Também da acesso a praia do Forte, de mar calmo e limpo com pouco movimento o ano todo. Recomendo subir a pé os 1,5Km da portaria até o topo, em meio a natureza e com diversas paradas para admirar o visual da região. São uns 30 minutos de subida leve, dependendo do ritmo.

DCIM104GOPRO IMG_7333IMG_7327  IMG_7329 IMG_7332

Canhões no Forte Marechal Luz

Ao chegar lá em cima, você já avista os canhões posicionados estrategicamente para proteger a ilha, são 4 canhões principais. Também tem alguns caminhos cavados no chão e revestidos de concreto para ter acesso a casa principal, como vocês podem ver nas fotos abaixo:

DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO  DCIM104GOPRO IMG_7340  IMG_7325

 Na casa existe um pequeno museu que mostra alguns dos equipamentos usados na época, como por exemplo, para mirar os canhões e ajustar o ângulo. Apesar de ser pequeno, tem diversos itens utilizados ali, como as balas dos canhões. Vale a pena dar uma olhada e assinar o livro de presença.

DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO IMG_7346 IMG_7344

Itens do Museu

Depois, na parte externa, se você subir uma escada de concreto, irá ter acesso a uma pequena construção, um mirante que era utilizado como ponto de observação. Em dias abertos dá para ver boa parte da costa, os portos de São Francisco do Sul e Itapoá e ilhas da região.

DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO

Mirante

Já se você quiser aproveitar uma praia e o clima ajudar, logo na entrada você tem acesso a Praia do Forte, que como já disse antes, é bem calma e pouco movimentada. Eu não entendo nada de Surf, mas tinha 3 surfistas no local, deve dar para surfar lá.

IMG_7350

Praia do Forte

Para aproveitar o dia, você pode dar uma passada no Capri onde temos a marina e a ponte, que pode render diversas fotos. Além disso, na marina tem um restaurante onde pode-se fazer um almoço e desfrutar do visual. O acesso é por estrada de terra, não muito bem conservado. Também é um ótimo lugar para curtir um pôr do sol!

DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO DCIM104GOPRO  IMG_7356

Ponte do Capri

Não importa se para longe ou para perto, viaje! E não enrole, veja nesse post da Aline, como acabar com as desculpas e sair de casa!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>